Exposições Coletivas

Exposições Coletivas

2018
Avesso Viés, SIM Galeria, São Paulo, Brasil
Exposição de Acervo 2018, Galeria Silvia Cintra + Box 4, Rio de Janeiro, Brasil
Luz = Matéria, Museu Oscar Niemeyer, Curitiba, Brasil
 
2017
Modos de ver o Brasil: Itaú Cultural 30 anos, Itaú Cultural, São Paulo, Brasil
A pureza é um Mito, Roesler Hotel, São Paulo, Brasil
Coleção MAC Niterói: arte contemporânea no Brasil, MAC, Niterói, Brasil
Na oração, que desaterra... a terra, em honra ao sagrado, Museu Oscar Niemeyer, Curitiba, Brasil
Trienal de Artes,  Sesc Sorocaba, Sorocaba, Brasil
Tão diferentes, tão atraentes, Carbono Galeria, São Paulo, Brasil
 
2016
A cor do brasil, Museu de Arte do Rio, Rio de Janeiro, Brasil
Pequenos Formatos: Dimensão e escala, Fundação Cidade das Artes, Rio de Janeiro, Brasil
O útero do mundo, MAM, São Paulo, Brasil
Cromofilia vs Cromofobia, Galeria Nara Roesler, São Paulo, Brasil
 
 
2015
A beleza possível, Casa Cidade Mundo - Centro Municipal de Arte Helio Oiticica, Rio de Janeiro, Brasil
 
2014
Salão de Pinturas, Galeria Mercedes Viegas, Rio de Janeiro, Brasil
Decifrações, Espaço Cultural Contemporáneo, Brasília, Brasil 
TATU: futebol, adversidade e cultura da caatinga, Museu de Arte do Rio,
Rio de Janeiro, Brasil
Ciclo: Criar com o que temos, Centro Cultural Banco do Brasil, São Paulo, Brasil
Made by... Feito por brasileiros, Hospital Matarazzo, São Paulo, Brasil.
 
2013
The Gesture and the Sign, White Cube, São Paulo, Brasil
Travessias 2, Galpão Bela Maré, Rio de Janeiro, Brasil
Parque de Transgressões, SIM Galeria, Curitiba, Brasil
 
2012
Desenho esquema esboço bosquejo projeto debuxo ou desenho como forma de pensamento, Gabinete do Desenho, São Paulo, Brasil
Será que foi, seu juiz?, Museu do Futebol, São Paulo, Brasil
 
2011
XI Bienal Internacional de Cuenca, Cuenca, Equador
Contra a Parede Galeria Vermelho, São Paulo, Brasi
l
 
2010
Jogos de guerra, Memorial da América Latina, São Paulo, Brasil
Há sempre um copo de mar para um homem navegar, 29ª Bienal de São Paulo, São Paulo, Brasil
 
2009
Experiências contemporâneas, Espaço Cultural Marcantonio Vilaça, Brasília, Brasil
Las Américas Latinas — Las fatigas del querer, Spazio Oberdan, Milão, Itália
After Utopia — A View on Brazilian Contemporary Art, Centro per l"Arte Contemporanea Luigi Pecci, Prato, Itália
Programa de exposições, Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil
 
2008
Arte pela Amazônia, Fundação Bienal de São Paulo, São Paulo, Brasil
Paper Trail, Allsopp Contemporary, Londres, Inglaterra
 
2007
Poder e afetividade, Galeria Silvia Cintra, Rio de Janeiro, Brasil
Encontro entre dois mares — luz ao sul, Museo Del Carmem, Valência, Espanha
80/90 Modernos pós modernos ETC, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil 
CTRL… C + Recortar e colar/CTRL…V, Sesc, São Paulo, Brasil
3 Americas, Galeria Emma Molina, Monterrey, México
A última casa — A última paisagem, Galeria de Arte Espaço Universitário, Vitória, Brasil
 
2006
Sem título, 2006 — Comodato Eduardo Brandão e Jan Fjeld, MAM, São Paulo, Brasil
Invenção de mundos — Coleção Marcantonio Vilaça, Instituto Cultural Banco Real, Recife, Brasil
 
2005
5a Bienal do Mercosul, Porto Alegre, Brasil
Afinidades eletivas, Espaço Cultural CPFL, Campinas, Brasil
Panorama da arte brasileira 2005, MAM, São Paulo, Brasil
Mostra Rio de arte sem barreiras, Museu Nacional de Belas Artes, Rio de Janeiro, Brasil
 
2004
Arte contemporânea no Atelier Iberê Camargo, Centro Universitário Maria Antonia — USP, São Paulo, Brasil
Versão brasileira, Galeria Brito Cimino, São Paulo, Brasil
Paralela 2004, Galeria Brito Cimino, São Paulo, Brasil
Arquivo geral, Galeria Silvia Cintra, Rio de Janeiro, Brasil
Encontros com o modernismo — Destaques do Stedeljik Museum Amsterdam, Estação Pinacoteca, São Paulo e MAM, Rio de Janeiro, Brasil
Onde está você, Geração Oitenta?, Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro, Brasil
30 artistas, Mercedes Viegas Arte Contemporânea, Rio de Janeiro, Brasil
A face icônica da arte brasileira, MAM, Rio de Janeiro, Brasil
Invenção de mundos — Coleção Marcantonio Vilaça, Museu Vale 
do Rio Doce, Vila Velha, Brasil
Casa — Poética do espaço na arte brasileira, Museu Vale do Rio Doce, Vila Velha, Brasil
Zuwächse, Pfalzgalerie, Bonn, Alemanha
 
2003
Layers of Brazilian Art, Faulconer Gallery, Grinnell College, Grinnell, Iowa, EUA
Sal da terra, Museu da Vale do Rio Doce, Vila Velha, Brasil
2080, MAM, São Paulo, Brasil
MAC USP 40 Anos — Interfaces contemporâneas, MAC, São Paulo, Brasil
Meus amigos, Espaço MAM Villa Lobos, São Paulo, Brasil
Drawings, Galeria Ramis Barquet, Nova York, EUA
In The Realm of the Absurd, The Gallery of Contemporary Art, Sacred Heart University, Fairfield, EUA
 
2002
Doors — Image and Metaphor in Contemporary Art, New Jersey Center for Visuals Arts, Nova Jersey, EUA
Mapa do agora — Coleção João Leão Satamini, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil
Caminhos do contemporâneo — 1952–2002, Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil
Andar com fé, Sesc Copacabana, Rio de Janeiro, Brasil
Reality and Figuration, Boca Raton Museum of Art, Flórida, EUA
 
2001
O espírito da nossa época — Coleção Dulce e João Carlos de Figueiredo Ferraz, MAM, São Paulo, Brasil
Espelho cego — Seleções de uma coleção contemporânea, Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil
Bienal Mercosul, Porto Alegre, Brasil
 
2000
Galeria Juan Pratz, Barcelona, Espanha
Um oceano inteiro para nadar, Culturgest, Lisboa, Portugal
Galeria Ramis Barquet, Nova York, EUA
Obra nova, MAC, São Paulo, Brasil
Ibeu, 60 anos de arte, Rio de Janeiro, Brasil
Mostra Rio Gravura, Rio de Janeiro, Brasil
 
1999
Figuras, quase figuras, MAM, São Paulo, Brasil
Today and Everyday: An Exibition for Children, Galeria Ramis Barquet, Nova York, EUA
Cuerpos.Redes.Voces.Tránsitos: Horizontes Cambientes, Casa de América, Madrid, Espanha
Art Lovers, Liverpool Biennial (paralela), Inglaterra
Impressões contemporâneas, Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil 
Espaço gravado, Museu do Telephone, Rio de Janeiro, Brasil
Confluências — a pintura nos anos 80, galeria de Arte UFF, Niterói, Brasil
Gravura brasileira: obras raras, Lhália Galeria de Arte, Rio de Janeiro, Brasil
 
1998
O trio, Galeria Sala Alternativa, Caracas, Venezuela
Terra incógnita, Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro, Brasil
The finest colections from sister cities" museum — Broadening the horizons, Pusan Metropolitan Art Museum, Coreia do Sul
Futebol arte, Palácio do Itamaraty, Brasília; Memorial da América Latina, São Paulo, Brasil; Casa França–Brasil, Rio de Janeiro, Brasil, e Conseil Economique et Social, Paris, França
Um olhar brasileiro, Haus der Kulturen der Welt, Berlim, Alemanha
XXIV Bienal Internacional de São Paulo, São Paulo, Brasil
Espelho da Bienal, MAC, Niterói, Brasil
V Centenário do Descobrimento do Brasil, Expo 98", Lisboa, Portugal
Os colecionadores — Guita e José Midlin: matrizes e gravuras, Galeria de Arte do Sesi, São Paulo, Brasil
 
1997
Experiências e perspectivas, doze visões contemporâneas, Museu Casa dos Contos, Ouro Preto, Brasil
Ar, Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil
A última figuração, Casa da imagem, Curitiba, Brasil
Brasil — reflexão 97, Fundação Cultural de Curitiba, Brasil
 
1996
Panorama da gravura brasileira, Museu da Chácara do Céu, Rio de Janeiro, Brasil
Venosa, Senise, Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil
Laura e companhia, Casa de Cultura Laura Alvim, Rio de Janeiro, Brasil
Quintana Gallery, Miami, EUA
Contemporary Latin American Artists, Robert Miller Gallery, Nova York, EUA
Petite Galerie: uma visão da arte brasileira, Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil
Arte brasileira contemporânea, MAM, São Paulo, Brasil 
 
1995
Galeria Ramis Barquet — Arco, Madri, Espanha
Salão em preto e branco, Museu Nacional de Belas Artes, Rio de Janeiro, Brasil
Panorama da arte brasileira, MAM, São Paulo; MAM, Rio de Janeiro, Brasil
Under Glass, Charles Cowles Gallery, Nova York, EUA 
Papel do Brasil — arte contemporânea, Palácio dos Trabalhadores, Beijing, China
 
1994
Bienal Brasil Século XX, Fundação Bienal de São Paulo, São Paulo, Brasil
Contemporâneos no acervo do MASP, São Paulo, Brasil
 
1993
Stand 28, Galeria Thomas Cohn, Rio de Janeiro, Brasil
Brasil Hoy, Galeria Valenzuela Klenner, Bogotá
Guignard, a escolha do artista, Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil
Representação, presenças decisivas, Paço das Artes, São Paulo, Brasil
 
1992 
Subdistrito Comercial de Arte, São Paulo, Brasil
Lúcida lâmina, GB Arte, Rio de Janeiro, Brasil
Eco Art, MAM, Rio de Janeiro, Brasil
Latin American Artists of the Twentieth Century, Estación Plaza de Armas, Sevilha, Espanha; Centre Georges Pompidou, Paris, França; Museu Ludwig, Colônia, Alemanha e MoMA, Nova York, EUA
Entre trópicos, Museu de Arte Contemporâneo de Caracas Sofia Imber, Caracas, Venezuela
 
1991 
Galleri Engström, Estocolmo, Suécia
Mito y Magia en America: Los Ochenta, Museo de Arte Contemporáneo, Monterrey, México
Viva Brasil Viva, Liljevalchs Konsthall, Estocolmo, Suécia
Brasil: La Nueva Generación, Fundación Museo de Bellas Artes, Caracas, Venezuela
Ponto de vista, Pasárgada Arte Contemporânea, Recife, Brasil
10 Anos — Gesto gráfico, Gesto Gráfico Galeria de Arte, Belo Horizonte, Brasil 
 
1990 
XLIV Biennale di Venezia, Veneza, Itália
Coleção Gilberto Chateaubriand, MAM, Rio de Janeiro, Brasil
Frida Baranek, Ivens Machado, Milton Machado, Daniel Senise, Angelo Venosa, Sala I, Roma, Itália
Prospecção 90, Subdistrito Comercial de Arte, São Paulo, Brasil 
 
1989 
XX Bienal Internacional de São Paulo, São Paulo, Brasil
UABC, Stedelijk Museum, Amsterdam; Fundação Calouste Gulbekian, Lisboa, Portugal 
Panorama da arte atual brasileira — Pintura, MAM, São Paulo, Brasil
Senise, Leonilson, Fábio, Zerbini, Masp, São Paulo, Brasil
Rio hoje, MAM, Rio de Janeiro, Brasil
 
1988 
O eterno e o efêmero, Petite Galerie, Rio de Janeiro, Brasil 
XVII Salão de Arte de Ribeirão Preto, Casa da Cultura, Ribeirão Preto, Brasil
 
1987 
Missões 300 anos, Teatro Nacional, Brasília; Escola de Artes Visuais do Parque Lage, Rio de Janeiro, Brasil; Masp, São Paulo, Brasil;
UFRS, Porto Alegre, Brasil
Senise, Venosa, Watson, Casa de Cultura Laura Alvim, Rio de Janeiro, Brasil
Modernidade: Art Brésilien du 20e Siècle, Musée dArt Moderne de la Ville de Paris, Paris, França
Ouverture Brésilienne, Credac, Paris, França
O rosto e a obra, Galeria do Ibeu, Rio de Janeiro, Brasil
3 momentos da arte brasileira, Galeria Exedra, Quito, Equador
 
1986 
VI Trienal de Nova Delhi, Nova Delhi, Índia
II Bienal de la Habana, Havana, Cuba
V Bienal Americana de Artes Gráficas, Cali, Colômbia
I Bienal Latino–Americana de Arte sobre Papel, Buenos Aires
Panorama da arte atual brasileira — Pintura, MAM, Rio de Janeiro, Brasil
Território ocupado, Escola de Artes Visuais do Parque Lage, Rio de Janeiro, Brasil
7 décadas da presença italiana na arte brasileira, Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil
 
1985 
O atelier da Lapa, Galeria de Arte UFF, Rio de Janeiro, Brasil
Rio narciso, Escola de Artes Visuais do Parque Lage, Rio de Janeiro, Brasil
A figura hoje, Galeria do Ibeu, Rio de Janeiro, Brasil
XVIII Bienal Internacional de São Paulo, São Paulo, Brasil
 
1984 
Como vai você, Geração 80?, Escola de Artes Visuais do Parque Lage, Rio de Janeiro, Brasil
IV Salão Brasileiro de Arte, exposição itinerante, Brasil e Japão
VII Salão Nacional de Artes Plásticas, MAM, Rio de Janeiro, Brasil
I Salão de Arte Brasileira Atual, Museu do Ingá, Niterói, Brasil
 
1983 
Pintura no Parque Lage, Escola de Artes Visuais do Parque Lage, Rio de Janeiro, Brasil
Em torno do Parque Lage, Piccola Galeria, Instituto Italiano de Cultura, Rio de Janeiro, Brasil
Pintura!Pintura!, Fundação Casa de Rui Barbosa, Rio de Janeiro, Brasil